Aumento superior à inflação para pensões mais baixas!


10 Out |

OE2018: No dia 4 de outubro de 2017, foi anunciado pelo primeiro ministro que as pensões mais baixas irão sofrer um aumento superior à inflação em 2018. Fique a saber os pormenores desta medida!

OE2018: Aumento para as pensões mais baixas

Devido ao crescimento económico, 2,9 milhões de pensionistas (89% do total de pensionistas) irão receber um aumento nas suas pensões acima da inflação, em 2018. Esta medida foi anunciada pelo Primeiro-Ministro, António Costa, na quarta-feira, dia 4 de outubro de 2017.
 

Quem irá ter este aumento na pensão?

Todos os pensionistas, da Segurança Social e Caixa Geral de Aposentações, com reformas até 842,60 euros irão ter este aumento nas suas pensões.
 

O porquê deste aumento

Todos os anos é aplicada a fórmula de atualização das pensões e, devido ao crescimento da economia acima dos 2%, as pensões irão sofrer um aumento em 2018.

“O crescimento da economia que se espera para este ano, conjugado com a revisão do PIB realizada em setembro pelo Instituto Nacional de Estatística, vai permitir que todas as pensões sejam atualizadas em 2018”, António Costa.

O principal fator que permite o uso e, consequentemente, as conclusões dadas por esta fórmula é o PIB, que em 2017 (quando o ano fechar) se prevê que crescerá bem acima dos 2%.
 
Lei de Bases da Segurança Social

A Lei onde está prevista a fórmula de atualização das pensões prevê que, quando a média da taxa de crescimento médio anual do PIB nos últimos dois anos (terminados no terceiro trimestre do ano anterior à data que se reporta a atualização) é igual ou superior a 2% e inferior a 3%, as pensões até 842,6 euros (até dois indexantes de apoios sociais) são atualizadas com a inflação, acrescida de 20% do crescimento real do PIB com o limite mínimo de 0,5% acima da inflação.


Veja também:

Categoria: Poupança

Artigos relationados

Comentários